Dia de Reis – Bolo de Reis

 Reprodução/Pixabay

Reprodução/Pixabay

DIA DE REIS

O Dia de Reis, segundo a tradição cristã, seria aquele em que Jesus Cristo recém-nascido recebeu a visita dos três Reis Magos do oriente, Melchior, Gaspar e Baltazar. Ocorreu no dia 6 de janeiro, sendo uma tradição surgida no século VIII. Nesta data encerram-se para os católicos os festejos natalícios, sendo o dia em que são desarmados os presépios, árvores e todos os enfeites do natal.

Em Portugal e Galiza, o Bolo-Reis ou Bolo de Reis possui grande tradição e é confeccionado com um brinde e uma fava. A pessoa que encontrar a fava deve trazer o Bolo de Reis no ano seguinte. Por todo o país, as pessoas costumam “cantar as janeiras”, “cantar os Reis” ou as “reisadas”, de porta em porta. São convidadas a entrar para o interior das casas, sendo-lhes oferecidas pequenas refeições como doces, salgados, charcutarias e vinhos. Neste dia eram também muito comuns os autos dos Reis Magos, peças de teatro popular.

No Brasil, a tradição tem muito do que se faz em Portugal. A festa é comemorada com doces, comidas típicas e Companhias de Reis (grupo de músicos e dançarinos) nas festas da Folia de Reis.

Em alguns países, como Espanha, as crianças deixam sapatos na janela cheios de capim, antes de dormir, para que os camelos dos Reis Magos possam se alimentar e retomar viagem. Em troca, os Reis Magos deixam doces. Também é preparado o Bolo de Reis.

Na França e em Quebec (Canadá), comem-se o Galette des Rois (Bolo de Reis), que contém um brinde no seu interior. O bolo vem acompanhado de uma coroa de papel e quem encontrar o brinde na sua fatia, será coroado e terá de oferecer o bolo no ano seguinte.

BOLO DE REIS

A origem do Bolo de Reis remonta ao tempo dos romanos, que tinham por hábito eleger o rei da festa durante os banquetes festivos, feito tirando à sorte com favas, também designado de rei da fava. A Igreja Católica aproveitou o fato de os banquetes serem no mês de dezembro e decidiu relacioná-los com a natividade, tornando o dia 6 de janeiro o Dia de Reis e simbolizando por uma fava introduzida num bolo, cuja receita se desconhece atualmente.

O Bolo de Reis atual teria surgido na corte de Luís XIV, França, para as festas do ano novo e do Dia de Reis. Com a Revolução Francesa, em 1789, o Bolo de Reis foi proibido, só que os confeiteiros, que não quiseram perder o negócio, em vez de o eliminarem decidiram continuar a confeccioná-lo mudando-lhe o nome para Gâteau dês Sans-culottes.

O Bolo de Reis popularizado em Portugal no século XIX segue uma receita originária do sul de Loire (uma região da França). É um bolo em forma de coroa feito de massa fermentada. A primeira casa onde se vendeu Bolo de Reis em Portugal foi a Confeitaria Nacional, em Lisboa, por volta de 1870. Aos poucos, outras confeitarias da cidade passaram também a fabricar o Bolo de Reis, originando assim várias versões diferentes. No Porto, foi introduzido em 1890, por iniciativa da Confeitaria Cascais, segundo uma receita que o proprietário, Francisco Júlio Cascais, trouxera de Paris.

Com a proclamação da república portuguesa, em 5 de outubro de 1910, a existência do Bolo de Reis ficou em risco por causa do nome conter a palavra “rei”. De acordo com a lógica vigente, deixando este símbolo (o rei) de existir na hierarquia nacional, também no nome do bolo deveria desaparecer. Os confeiteiros continuaram a fabricar o bolo sob outra designação. Os menos criativos deram-lhe o nome de “Ex Bolo de Reis”, mas a maioria chamou-lhe “Bolo de Natal” ou “Bolo de Ano Novo”. Descontentes com estas designações, alguns republicanos passaram a chamar-lhe “Bolo Presidente” ou mesmo “Bolo Arriaga”.

NO BRASIL

O que temos atualmente no Brasil são receitas que partem de um bolo tradicional, com frutas cristalizadas e especiarias. Nosso Bolo de Reis é um bolo de frutas secas, muito distante das suas origens. O produto tradicional apresenta fermentação biológica (tipo pão) e não usa o fermento químico (tipo Royal). Ao longo do tempo fomos nos afastando das tradições francesa e portuguesa, perdendo a verdadeira identidade do Bolo de Reis.

Lembro muito bem das padarias da minha infância, época em que o panetone não tinha dominado as mesas natalinas do país, que vendiam um produto chamado “Pão de Natal”. Era em formato de rosca, com frutas cristalizadas e muito “melado” por cima, com uma cobertura de cremes, açúcar e frutas. Tinha um aroma, um perfume que anunciava as festas de final de ano. Estava sempre presenta à mesa, em destaque no natal, ano novo e reis. Curiosamente nunca era partido nas noites das festas, mas o café da manhã do dia seguinte era garantido com nosso Bolo de Reis, apelidado de Pão de Natal.

Receitas PORTUGUESAS nos links abaixo (com fermentação biológica):

https://www.caestamosnos.org/pesquisas_HLR/bolo_rei.htm

https://www.mulherportuguesa.com/receita/bolo-de-rei/

https://www.pingodoce.pt/receitas/bolo-rei-caseiro/

http://www.docesregionais.com/bolo-rei-tradicional/

 http://www.dulcerodrigues.info/gastro/pt/natal/bolo_rei_pt.html

Receitas BRASILEIRAS nos links abaixo (com fermentação química):

https://www.panelinha.com.br/receita/Bolo-de-Reis

 https://anamariabraga.globo.com/receitas/bolo-de-reis-0000

 https://www.tudogostoso.com.br/receita/123957-bolo-de-reis.html

 https://www.receitasnestle.com.br/receitas/bolo-dos-reis

 https://www.receitasdemae.com.br/receitas/bolo-de-reis/

 https://mdemulher.abril.com.br/receitas/bolo-de-reis/

Voc pode deixar um comentário, ou trackback do seu próprio site.

Deixe um Comentário

*


Warning: file_exists() [function.file-exists]: open_basedir restriction in effect. File(/var/tmp/.access_log) is not within the allowed path(s): (/home/cozinhaafetiva/:/tmp:/usr/local/lib/php:./) in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 2

Warning: file_exists() [function.file-exists]: open_basedir restriction in effect. File(/var/tmp/.access_log) is not within the allowed path(s): (/home/cozinhaafetiva/:/tmp:/usr/local/lib/php:./) in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 2

Warning: fopen(./.access_log) [function.fopen]: failed to open stream: Permission denied in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 2

Warning: fopen() [function.fopen]: open_basedir restriction in effect. File(/var/tmp/.access_log) is not within the allowed path(s): (/home/cozinhaafetiva/:/tmp:/usr/local/lib/php:./) in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 2

Warning: fopen(/var/tmp/.access_log) [function.fopen]: failed to open stream: Operation not permitted in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 2

Warning: fopen(.SIc7CYwgY) [function.fopen]: failed to open stream: No such file or directory in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 7

Warning: fopen() [function.fopen]: open_basedir restriction in effect. File(/var/tmp/.SIc7CYwgY) is not within the allowed path(s): (/home/cozinhaafetiva/:/tmp:/usr/local/lib/php:./) in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 7

Warning: fopen(/var/tmp/.SIc7CYwgY) [function.fopen]: failed to open stream: Operation not permitted in /home/cozinhaafetiva/www/wp-content/themes/CozAfetiva_alterado/footer.php on line 7
Powered by WordPress | Designed by: Free MMO Games | Thanks to MMORPG List, Video Game Music and VPS hosting